Surdez

O acesso das pessoas surdas à educação é hoje um direito inalienável desta população, no quadro de uma "escola para todos", preconizada por diversos documentos internacionais (Declaração de Jomtien, 1990; Declaração de Salamanca, 1994) e nacionais (Lei de Bases do S.E., 1986; D.L. nº3/2008, entre outros). O Decreto-lei 3/2008 afirma, logo nas linhas introdutórias, que "a promoção de uma escola democrática e inclusiva, orientada para o sucesso educativo de todas as crianças e jovens" é condição necessária para "a melhoria da qualidade do ensino". Este decreto tem como princípio básico que as crianças e jovens surdos profundos devem fazer as suas aprendizagens escolares através da sua língua materna, a língua gestual portuguesa. Esta plataforma aparece para disponibilizar materiais pedagógicos construídos à luz deste princípio já legislado.

Todos os materiais aqui disponibilizados surgem no âmbito de um protocolo assinado entre a Associação Ludus e o CED-Jacob Rodrigues Pereira/Casa Pia de Lisboa, tendo como ideia fundamental juntar o know how relativo à matemática da primeira e a enorme experiência prática e quotidiana no que diz respeito a esta necessidade educativa especial da segunda.

CED-Jacob Rodrigues Pereira/Casa Pia de Lisboa:

Equipa do Projecto de Incentivo à Matemática: Laura Nunes (Coordenadora), Cláudia Fernandes e Vera Gomes.

Professora de Língua Gestual Portuguesa: Marisol Coelho.

Intérprete de Língua Gestual Portuguesa: Paulo Ataíde.

Associação Ludus:

Alda Carvalho (ISEL & CEMAPRE), Carlos Pereira dos Santos (CST & CEAFEL).

Jogos Matemáticos                                   Histórias Infantis                               Matemática do Pré-Escolar